"Fiquei preocupado quando o Neymar veio ao Porto. Não tinha onde o colocar na equipa"

Sérgio Conceição falou do mercado, garantiu que está satisfeito com os jogadores que tem à sua disposição e até brincou com a transferência de Neymar

Na antevisão do jogo do Porto frente ao Desportivo de Chaves, o técnico portista excluí favoritismos e diz ter tido algumas dificuldades em preparar o jogo, com a ausência de alguns dos seus jogadores por compromissos com as respetivas seleções.

A respeito do mercado de transferências, Sérgio Conceição admite que gostaria de ter mais opções mas afirma que está satisfeito com os seus jogadores. "Aliás, fiquei preocupado quando o Neymar veio ao Porto [fazer exames médicos para se transferir para o Paris Saint-Germain]. Não tinha onde o colocar na equipa", afirmou em tom de brincadeira.

"Gostaria de ter mais opções, mas se perguntar isso aos treinadores do Benfica e do Sporting também lhe diriam o mesmo", acrescentou o técnico de 42 anos.

A equipa dos dragões, que partilha o primeiro lugar com o Sporting, vai enfrentar o penúltimo classificado da Liga portuguesa. No entanto, Sérgio Conceição refere que ambas as equipas estão sobre pressão.

"Esperamos dificuldades apesar do que dizem as estatísticas. Sei o que é não começar bem e depois encontrar pela frente um grande como o FC Porto. Dá outra motivação. O Chaves está pressionado, mas essa carga está em cima do FC Porto. A qualidade do treinador, que conhece bem a nossa casa, e dos jogadores é evidente. Mas não esperamos jogos fáceis, estamos preparados", reforçou.

"Começámos bem o campeonato e é assim que queremos continuar", terminou o treinador do porto que quer contar com a quinta vitória consecutiva para a sua equipa.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG