Dragões não foram além de um empate em Tondela

Nuno Espírito Santo colocou dois avançados no onze, mas a sua equipa demorou mais de 70 minutos para fazer um remate à baliza

O FC Porto conseguiu apenas um ponto na deslocação a Tondela. Nuno Espírito Santo inovou o onze, com dois avançados, Depoitre e André Silva, mas a verdade é que os dragões nunca conseguiram surpreender o Tondela.

A equipa de Petit defendeu-se com unhas e dentes, num bloco muito fechado, optando pelo contra-ataque. E a verdade é que foi o Tondela que esteve primeiro mais perto de marcar, mas Casillas acabou por salvar o FC Porto. Os azuis e brancos só conseguiram o seu primeiro remate à baliza depois dos 70 minutos de jogo, sendo que André Silva desperdiçou duas boas ocasiões de golo já perto do fim do encontro.

Eis os onzes iniciais:

FC Porto: Casillas, Layún, Boly, Felipe, Telles, Rúben Neves, André André, Brahimi, Otávio, Depoitre e André Silva.

Tondela: Cláudio Ramos, Jailson, Kaká, Amorim, Mamadu, Claude, Fernando, Vagner, Murillo e Crislan.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG