Empate no duelo entre "Vitórias" satisfez Peseiro e revoltou Couceiro

Vit.Guimarães empatou com o Vit.Setúbal (1-1). Sadinos revoltados com erros de arbitragem que têm penalizado equipa.

No duelo de "Vitórias", este sábdo, no Estádio D. Afonso Henriques, o de Guimarães desperdiçou a oportunidade de subir ao sétimo lugar da I Liga ao empatar em casa com o outro Vitória, o de Setúbal (1-1), em jogo da 30.ª jornada.

O peruano Hurtado, aos nove minutos, colocou a equipa minhota em vantagem, mas Vasco Fernandes, aos 30", repôs a igualdade e fixou o resultado que se manteve até ao fim do jogo. Um resultado que mantém os vimaranenses no nono lugar, com 37 pontos.

"Farto" e "cansado" de ver um clube histórico, que ontem fez o jogo 2000 no primeiro escalão do futebol português, ser "penalizado" neste campeonato, José Couceiro lembrou que "o golo dos vimaranenses é fora de jogo". Um erro "entre muitos", que ajudaram à atual situação na tabela, na opinião do treinador. Os sadinos seguem para já no 13.º posto, com 29 pontos, três acima da zona de despromoção, quando "podia e merecia estar numa situação confortável".

E depois de revelar que os jogadores "estão revoltados" com a situação, Couceiro, que na próxima jornada visita o FC Porto, no Dragão, voltou a apontar o dedo às arbitragens: "Não tivemos um único erro a nosso favor este campeonato."

Já para o treinador do Vit. Guimarães o empate "aceita-se", até porque os vimaranenses podiam ter acabado com o jogo, não o fizeram e deixaram que o Vit. Setúbal fosse "melhor em algumas partes do jogo".

A equipa minhota disse assim adeus à possibilidade de chegar ao quinto lugar, que dá acesso à Liga Europa, quando restam apenas quatro jornadas para o fim do campeonato.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG