Exclusivo Em nome do pai. Alexia Putellas é a nova rainha do futebol mundial

Aos 18 anos, a avançada viu o pai Jaume morrer sem concretizar o sonho de a ver jogar no Barcelona. Transformou a tragédia em força e agora chegou ao topo do mundo: "É para ti, papá."

Em nome do pai. Este bem poderá ser o título de uma autobiografia assinada, daqui a uns anos, pela espanhola Alexia Putellas, jogadora do Barcelona que viveu um 2021 de sonho com a sua coroação como rainha do futebol feminino, depois de conquistar o prémio UEFA para melhor jogadora da Europa, a Bola de Ouro da revista France Football e o troféu The Best, que distingue o melhor do mundo para a FIFA.

Foi de mão dada com o pai que entrou pela primeira vez no Camp Nou para assistir ao dérbi entre o Barcelona e o Espanyol. Ali terá nascido a paixão pelo futebol, que começou a ser concretizada aos seis anos quando começou a jogar no pátio do colégio com os rapazes, onde era sempre a primeira a ser escolhida quando se formavam as equipas. Não raras vezes chegava a casa com os joelhos feridos e foi então que o pai percebeu que tinha ali uma craque em potência e inscreveu-a no clube da terra, o Mollet.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG