Cova da Piedade impõe nulo ao líder Académico de Viseu

O clube de Almada impôs este domingo um empate 0-0 na receção ao Académico de Viseu, em jogo da 11.ª jornada da II Liga

O nulo ajusta-se e deixa o Académico no primeiro lugar, com 23 pontos, mais dois do que o Santa Clara - que recebeu mais tarde o Penafiel e perdeu por 1-2 -, e o Cova da Piedade no 12.º posto, com 13, depois de registar o primeiro empate na prova.

A primeira parte foi muito intensa, equilibrada e bem disputada, com as duas equipas a dividirem o protagonismo em termos de oportunidades de golo.

O regressado extremo brasileiro Dieguinho, melhor marcador do conjunto de Almada, com quatro golos apontados na II Liga, dispôs da primeira oportunidade de marcar, logo aos seis minutos, mas o remate saiu muito enrolado para as mãos do guarda-redes Peçanha.

Dois minutos depois foi o georgiano Avto que, com um remate já dentro da área piedense, fez a bola bater no poste direito da baliza defendida por Pedro Alves.

Evaldo (34 minutos) e Zé Paulo (40) também desfrutaram de oportunidades de marcar para as respetivas equipas, mas o nulo teimou em imperar até ao intervalo, apesar do interessante duelo nos 45 minutos iniciais.

Logo a abrir a segunda parte, o Académico de Viseu desperdiçou a melhor oportunidade de golo do jogo. Na marcação de um livre direto, Kiko obrigou o guarda-redes a defender para a frente e Capela, que, na recarga e completamente isolado, fez o mais difícil, que foi não marcar.

Inconformado no banco, João Barbosa, treinador do Cova da Piedade, fez três substituições no primeiro quarto de hora da etapa complementar e a equipa ganhou equilíbrio na zona ofensiva, sem perder eficácia defensiva.

Aos 81 minutos, a equipa que veio de Viseu poderia ter finalmente desfeito a igualdade, num livre de Bura, que Pedro Alves defendeu para a barra da baliza e, depois, Adilson evitou o golo após a recarga.

Jogo disputado no Estádio José Martins Vieira, na Cova da Piedade, Almada.

Cova da Piedade-Académico de Viseu: 0-0.

Equipas:

- Cova da Piedade: Pedro Alves, Adilson, Willyan, Daniel Almeida (Roberto Cunha, 57), Evaldo, Soares, Robson, Paulo Tavares, Ballack, Hugo Firmino (Onyilo, 46) e Dieguinho (Wilson, 64).

(Suplentes: João Kuspiouz, Wang Chu, Sori Mané, Roberto Cunha, Rafael Floro, Onyilo e Wilson).

Treinador: João Barbosa.

- Académico de Viseu: Peçanha, Joel Pereira, João Pica, Bura, Kiko, Capela (Fábio Santos, 87), Fernando Ferreira, Zé Paulo, Erivaldo (João Mário, 64), Avto e Sandro Lima (Luís Barry, 73).

(Suplentes: Jonas Mendes, Fábio Santos, Bruno Sousa, Paná, João Mário, Lucas Silva e Luís Barry.

Treinador: Francisco Chaló.

Árbitro: Tiago Martins (AF Lisboa).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Daniel Almeida (49 minutos), Zé Paulo (66), Wilson (71), Kiko (75), Roberto Cunha (80) e Fernando Ferreira (90+3).

Assistência: cerca de 800 espetadores.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG