Cleveland celebra a pior equipa da história

Browns terminaram a época com zero vitórias e 16 derrotas. Adeptos vão organizar uma parada da "época perfeita".

Há um ano, Hue Jackson, treinador dos Cleveland Browns, fazia uma promessa que parecia pouco arriscada, depois de a sua equipa terminar a temporada regular da NFL com apenas uma vitória e 15 derrotas: "Não vamos voltar a fazer 1-15 na próxima época. Seguramente não. Se isso acontecer vou nadar nas águas geladas do lago Erie."

Um ano depois, a profecia de Jackson cumpriu-se da pior maneira. Os Browns não repetiram o registo de apenas uma vitória, fizeram pior: terminaram a fase regular sem qualquer triunfo, após o desaire no último dia de 2017 frente aos Pittsburgh Steelers (28-24), e tornaram-se apenas a segunda equipa da liga profissional de futebol americano a acabar a época com um registo "perfeito" de 0-16 , depois dos Detroit Lions em 2008.

Se o registo desta época ainda pode encontrar esse paralelo com a equipa de Detroit, o acumulado das duas últimas temporadas é mesmo um recorde histórico sem precedentes, com um acumulado de uma vitória apenas contra 31 derrotas, o que dá um lugar destacado a estes Cleveland Browns nos debates promovidos pelos media estado-unidenses sobre as piores equipas de sempre das quatro principais ligas profissionais do país - NBA, NHL, MLB e NFL.

Naturalmente, os jornalistas presentes em Pittsburgh fizeram questão de lembrar o técnico dos Browns sobre a promessa feita. "Sim, já sei o que disse sobre nadar no lago. É algo que devo cumprir", anuiu Hue Jackson, que surpreendentemente continua a manter-se no cargo (ao contrário de outros quatro treinadores da NFL, despedidos logo no primeiro dia de 2018 devido às pobres épocas efetuadas) e já viu o dono da equipa reiterar a confiança no seu trabalho para voltar a dirigir os Browns na campanha de 2018-19. "O nosso recorde é inaceitável e assumimos a inteira responsabilidade por isso", admitiu o empresário petrolífero Jimmy Haslam, ilibando Jackson: "Ele providencia excelente liderança. Acho que nem precisava de dizer isso, mas... Hue Jackson vai voltar a ser o nosso treinador na próxima época."

O técnico também se mantém confiante em (ainda) dar a volta à situação. "Que ninguém pense que vou abandonar o barco. Vamos endireitar isto. Esta parte da nossa jornada está completa. Estes dois anos foram duros, mas chegámos ao fim dessa estrada. Os meus jogadores sabem isso, a organização sabe isso, os adeptos talvez não", reconheceu.

No entanto, os adeptos, já habituados a sofrer com más temporadas dos Browns - umas das quatro equipas atuais que nunca estiveram num SuperBowl e que desde 2007 não conseguem acabar uma fase regular com registo positivo -, até reagiram com sentido de humor à pior época da história e estão a organizar para o próximo sábado uma parada, à semelhança do que acontece com as equipas campeãs.

A irónica The Perfect Season Parade - a parada da época perfeita - tem já mais de quatro mil adeptos inscritos para uma marcha à volta do FirstEnergy Stadium, completando um zero em redor do recinto dos Cleveland Browns para assinalar o feito de uma temporada que terminou com um rotundo zero na coluna das vitórias. Talvez um bom dia para Hue Jackson cumprir a promessa no Erie, lago que por esta altura costuma ter temperaturas da água próximas dos... zero graus.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG