Benfica goleia em Famalicão com três golos de Darwin

O avançado uruguaio fez um hat-trick e Rafa Silva completou o triunfo que mantém os encarnados a quatro pontos da liderança.

O Benfica goleou este domingo o Famalicão por 4-1, numa partida da 14.ª jornada da I Liga em que Darwin Núñez esteve em destaque, ao assinar um hat-trick que alicerçou o triunfo dos lisboetas.

Com este triunfo, o Benfica, que regressou aos triunfos no campeonato, manteve o terceiro classificado, com 34 pontos, a quatro do líder provisório Sporting, enquanto o Famalicão manteve-se com 10, no 14.º posto.

Os encarnados, que se apresentaram com três alterações no onze, com as entradas de Diogo Gonçalves, Darwin e Seferovic para os lugares de Gilberto, Pizzi e Yaremchuk, não podiam esperar melhor entrada no jogo, cavando ainda no primeiro quarto de hora uma vantagem de dois golos.

Darwin Núñez e Rafa foram os protagonistas nessa entrada de rompante das 'águias', com o uruguaio, logo aos seis minutos, a inaugurar o marcador, servido pelo internacional português, numa jogada em que a defesa dos nortenhos deu demasiado espaço.

Aos 14 minutos, a mesma dupla benfiquista voltou a destacar-se, desta feita com o maior trabalho para Rafa, que após receber um passe longo de André Almeida, fez um chapéu ao guarda-redes do Famalicão, surgindo Núñez para confirmar o segundo.

Este inicial período de pesadelo para o Famalicão, agudizando com a lesão de Heriberto, que teve de ser rendido por Ivo Rodrigues, só começou a ser dissipado a partir dos 20 minutos, com Simon Banza, melhor marcador dos minhotos, a deixar as duas ameaças com remates ao lado.

Os lances galvanizaram os comandos de Ivo Vieira, que aos 25 minutos, num contra-ataque desenhado por Ivo Rodrigues e finalizado com um desvio de cabeça de Bruno Rodrigues, relançaram o desafio, obrigado o Benfica a voltar a sair da zona de conforto, mas ainda a ameaçar um novo golo, num remate de Weigl.

Para a segunda parte, o técnico benfiquista, Jorge Jesus, operou duas alterações, com as entradas de Gilberto e Taarabt, com este último a revelar-se decisivo para que a equipa voltasse a surgir no jogo de forma demolidora.

Ainda nem um minuto tinha passado do reatamento, e os encarnados voltaram a castigar a passividade defensiva dos locais, com Taarabt a lançar Rafa para que este, entre três defesas contrários, rematasse para o 3-1.

Os minhotos voltaram a quebrar animicamente com o tento madrugador do adversário, e 10 minutos depois, viram o Benfica dar tons de goleada à vantagem, com Darwin Núñez assumir-se como protagonista da noite, chegando ao hat-trick, em nova jogada construída por Taarabt e trabalhada por Rafa, onde a defesa da casa voltou a abrir brechas.

Com a desvantagem mais vincada, e já com pouco a perder, os nortenhos ainda tentaram uma reação, conseguindo maior presença na área contrária, mas com muitas dificuldades na definição final, sendo que o melhor que conseguiram foi um desvio à barra de Pedro Marques, insuficiente para perturbar a gestão do Benfica, que manteve o 4-1 até ao final.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG