Aubameyang não entende a suspensão no Dortmund

O futebolista do Borussia Dortmund Pierre-Emerick Aubameyang disse esta sexta-feira que não compreendeu a suspensão, por motivos disciplinares, do clube para o próximo jogo

De acordo com o próprio, a suspensão deve-se a "motivos disciplinares" por um atraso no último treino da equipa.

"Não consigo entender, não queria chegar atrasado", explicou Aubameyang ao jornal alemão Bild, que conta que o jogador chegou com 20 minutos de atraso à última sessão de treino.

Na quinta-feira, a imprensa alemã suspeitou que em causa está uma viagem noturna a Barcelona feita na semana passada.

Esta é o mais caso disciplinar do avançado. Em abril, Aubameyang foi multado por festejar um golo com uma máscara, do seu patrocinador pessoal, que não é o mesmo do clube. O jogador também falhou o jogo em casa contra o Sporting para a Liga dos Campeões, devido a uma viagem não autorizada a Milão.

Aubameyang foi notificado, através do treinador Peter Bosz, que não vai jogar hoje contra o Estugarda para a 12.ª jornada da Bundesliga.

Exclusivos

Premium

Alentejo

Clínicos gerais mantêm a urgência de pediatria aberta. "É como ir ao mecânico ali à igreja"

No hospital de Santiago do Cacém só há um pediatra no quadro e em idade de reforma. As urgências são asseguradas por este, um tarefeiro, clínicos gerais e médicos sem especialidade. Quando não estão, os doentes têm de fazer cem quilómetros para se dirigirem a outra unidade de saúde. O Alentejo é a região do país com menos pediatras, 38, segundo dados do ministério da Saúde, que desde o início do ano já gastou mais de 800 mil euros em tarefeiros para a pediatria.