Jornalista argentina é assaltada no Qatar e polícia pergunta-lhe que pena ela quer para o ladrão

"Que queres que faça a Justiça perante isto?", perguntaram a Dominique Metzger, que ficou sem a carteira.

DN

A jornalista argentina Dominique Metzger foi assaltada enquanto cobria o Campeonato do Mundo e ficou incrédula com a pergunta que as forças policiais lhe fizeram: "Que queres que faça a Justiça perante isto?"

"Pensei que tinha percebido mal a tradução, mas não. Insistiam em perguntar-me que pena queria para o ladrão, se queria que o condenassem a cinco anos de prisão, que fosse deportado... Insistiam que eu podia escolher a pena. Eu dizia que queria que aparecessem as minhas coisas. Não queria pôr-me no lugar da Justiça", contou ao canal TN, referindo que as autoridades garantiram que iam encontrar a carteira, o pertence roubado, porque "há câmaras de alta definição em todo o lado".

"Acabam de me roubar a carteira quando estávamos a fazer a transmissão ao vivo. Fui à polícia e mandaram-me para aqui fazer a denúncia, porque me garantem que está tudo vigiado e que vão encontrar a carteira com os meus documentos, dinheiro, cartões, que é obviamente o que mais me preocupa", narrou.

A jornalista diz não se ter apercebido do roubo. "Num determinado momento estávamos com umas pessoas e talvez tenha sido aí. Quando ia tirar a carteira para comprar uma água, reparei", explicou.