França: Mundial de futebol feminino dá lição de rentabilidade

Os custos de cobertura são menores, é certo. Os prémios e salários pagos às mulheres são – de forma discrepante – ainda mais baixos. Mas o encaixe financeiro com o mundial feminino, que decorre em França até 7 de julho, e por parte das televisões gaulesas está a ser bem acima do esperado. Público e marcas estão, afinal, muito atentos. Os dois primeiros jogos da equipa feminina francesa nesta prova que agora corre, e que tem sido marcada pela luta pela igualdade salarial e de prémios (que aumentaram, mas estão ainda longe dos masculinos), registaram audiências a rondar os 10 […]

Para saber mais clique aqui: www.delas.pt

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG