Atriz Anne Heche "não deverá sobreviver" após sofrer grave acidente

Um acidente de viação deixou a atriz em coma com uma "grave lesão cerebral".

DN/AFP
© EPA/CAROLINE BREHMAN

Anne Heche, de 53 anos, "não deverá sobreviver" depois de ter sofrido um grave acidente de viação em Los Angeles que a deixou em coma, com "uma grave lesão cerebral", indicou um representante da atriz, em comunicado, citado imprensa norte-americana.

"Há muito tempo é sua escolha doar os seus órgãos e ela está a ser mantida em suporte de vida para determinar se algum é viável", refere a nota, na qual é feito um agradecimento aos fãs de Heche e a todos os que estão a cuidar da atriz no Grossman Burn Center no West Hills Hospital.

"Anne tinha um coração enorme e tocou a todos que conheceu com o seu espírito generoso", acrescentou o comunicado. "Mais do que o seu talento extraordinário, ela espalhou bondade e alegria como o trabalho da sua vida. Ela será lembrada pela sua honestidade corajosa e fará muita falta pela sua luz".

A atriz norte-americana está em coma desde que bateu com o seu carro numa casa de dois andares no bairro de Mar Vista, em Los Angeles, a 5 de agosto. O incêndio que se seguiu foi combatido por 59 bombeiros durante mais de uma hora.

A polícia de Los Angeles afirmou, em comunicado divulgado na quinta-feira, que vai pedir para que sejam realizadas análises ao sangue da atriz e que os investigadores pretendem "apresentar este caso ao Ministério Público", embora não tenham especificado uma acusação.

A imprensa local, no entanto, noticia que testes preliminares deram positivo para narcóticos, embora fossem necessários mais exames.

O site de notícias sobre celebridades TMZ, que cita fontes policiais não identificadas, avançou que Heche tinha testado positivo para cocaína e fentanil.

Anne Heche foi protagonista em vários filmes dos anos 90, incluindo "Seis Dias, Sete Noites" com Harrison Ford, "Donnie Brasco" e "Sei o que fizeste no verão passado".

Heche é também conhecida pelo seu papel na novela "Another World", pela qual ganhou um Daytime Emmy, em 1991.