Weiwei a partir vaso da Dinastia Han vale 800 mil euros

Foi uma das surpresas do leilão da Sotheby's. Tríptico de artista chinês triplicou expectativas

Dropping a Han Dynasty Urn de Ai WeiWei acaba de ser vendido por 625 mil libras, cerca de 800 mil euros, em Londres.

O tríptico esteve exposto na Royal Academy of Arts, em Londres, no final do ano passado e foi esta quarta-feira à praça. Com um valor estimado de licitação entre 150 mil e 200 mil libras, acabou por ser vendido pelo triplo: o martelo de Oliver Barker soou à oferta de 625 mil libras.

Dropping a Han Dynasty Urn, de 1995, é uma obra que critica os atos de vandalismo cometidos sobre edifícios históricos e antiguidades na sequência da Revolução Cultural anunciada por Mao em 1966.

O artista chinês esteve na inauguração da exposição de Londres em setembro último depois de ter sido autorizado a sair do seu país, onde estava retido desde 2011 com o passaporte retido pelas autoridades. Ao longo de quatro meses, a Royal Academy mostrou 40 obras das últimas três décadas de carreira de Weiwei.

Este foi o lote 52 do leilão de arte contemporânea da Sotheby's, em que foi licitado um quadro de Paula Rego, A Madrinha do Toureiro, por 420 mil libras (cerca de 540 mil euros), valor que não permitiu a venda da obra por ser inferior ao mínimo pedido pelo vendedor.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG