Saltar da cadeira com Emily Blunt

"Um Lugar Silencioso", de John Krasinski

Que alívio! Um filme de terror (ou ficção-científica, ou thriller, ou crónica familiar...) sem aquele negrume sem remédio que tem sido apanágio de muita produção dos estúdios americanos.

Milagre saído da produtora de Michael Bay, o segundo filme do ator John Krasinski impõe-se como a grande surpresa do ano, uma mistura fulgurante da arte de Hitchcock com as ideias de medo de Aliens, de James Cameron. Uma história de horror num mundo apocalíptico onde ninguém pode falar ou emitir sons. Qualquer barulho chama criaturas alienígenas que nos devoram.

A Quiet Place é uma parábola sobre a América amordaçada mas é também um exercício de medo com uma genial Emily Blunt a encarnar a força maternal. É uma experiência tremenda saltar da cadeira com ela. Esta tese de suspense é uma fábula sobre a família e que nos interpela como espetadores de cinema.

Classificação: ***** (Excecional)

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG