Quer ver os filmes? Vá ao cinema

Os três grandes vencedores da noite dos Óscares estão em cartaz

Quem não viu os filmes premiados com os Óscares deste ano, ainda está a tempo. Moonlight, de Barry Jenkins, La La Land, de Damien Chazelle, e Manchester By the Sea, de Kenneth Lonergan, os três grandes vencedores da noite, estão em exibição nas principais salas do país (pelo menos em Lisboa, Porto e Coimbra).

Vedações, de Denzel Washington, com que Viola Davis ganhou o Óscar de Melhor Atriz, também está em sala. O Primeiro Encontro, de Dennis Villeneuve, que ganhou o Óscar para Melhor Edição de Som, está apenas no UCi Cinemas do El Corte Inglés, em Lisboa. E O Herói de Hacksaw Ridge, de Mel Gibson (vencedor nas categorias de Mistura de Som e Montagem) também só está em cartaz em Lisboa (Corte Inglés, Campo Pequeno e Alegro de Alfragide).

O Vendedor, de Asghar Farhadi (Irão), que venceu o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro, já não está nas salas mas vai estar disponível a partir de amanhã em DVD numa edição da Alambique: 12 euros só O Vendedor e 20 euros pelo "pacote Farhadi", que inclui Uma Separação (também vencedor de um Óscar) e O Passado. Também em DVD, disponíveis em Portugal, estão Monstros Fantásticos e onde Encontrá-los (Melhor Guarda Roupa), o Melhor Filme de Animação, Zootropolis, O Livro da Selva (Efeitos Visuais) e O Esquadrão Suicida (Melhor Caracterização).

Para ver as mais de sete horas do documentário premiado O.J. Made in America é preciso encomendar a edição americana do DVD. Quem tiver Netflix pode ver o documentário The White Helmets

Exclusivos

Premium

Espanha

Bolas de aço, berlindes, fisgas e ácido. Jovens lançaram o caos na Catalunha

Eram jovens, alguns quase adultos, outros mais adolescentes, deixaram a Catalunha em estado de sítio. Segundo a polícia, atuaram organizadamente e estavam bem treinados. José Manuel Anes, especialista português em segurança e criminalidade, acredita que pertenciam aos grupos anarquistas que têm como causa "a destruição e o caos" e não a luta independentista.