O medo atrás da porta

Crítica a "Ele Vem á Noite", de Trey Edward .Shults

Sem recorrer a grandes elaborações técnicas, eis um filme de terror que nos agarra os sentidos. Ele Vem à Noite parte de uma premissa simples: uma família fechada em casa tenta proteger-se de um vírus misterioso que já matou um dos seus. Com o aparecimento de uma família que pede refúgio, o reforço da proteção torna-se obsessivo, e todo o filme se constrói na intensidade do sentimento de desconfiança.

Trey Edward Shults é habilidoso na gestão do nosso medo que está colado ao medo do rapaz protagonista , projetando numa porta vermelha todos os elementos do terror. E o melhor é o modo como se trabalha aqui o susto em potência, misturando as linhas do drama familiar com pesadelos macabros, jogando sobretudo com o que não se vê No papel do pai de família, Joel Edgerton é notável, conjugando o desassossego com a aspereza da situação.

Classificação: *** Bom

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG