Império dos porcos abre ciclo no Trindade

Português Tatanka e brasileiro Yamandu Costa abrem a programação

É com ponto de exclamação que o Teatro da Trindade, em Lisboa, apresenta o ciclo de concertos que arranca na sexta-feira com o vocalista dos The Black Mamba, Tatanka, a apresentar-se em nome próprio. A iniciativa Há música no Trindade! tem como ponto em comum a escolha de nomes que se destacam quer na qualidade da interpretação vocal quer na execução ao piano ou à guitarra.

É Tatanka quem sobe ao palco do Trindade para dar início, na noite de sexta, ao ciclo que se estende até dezembro. Um concerto em que o cantor e guitarrista vai revelar uma nova faceta do seu trabalho. "Vou levar canções novas que espelham um lado mais trovadoresco, mais de escritor de canções", revelou à organização do ciclo musical. Na primeira parte da atuação, Tatanka apresenta-se a solo, ao passo que na segunda parte estará acompanhado por outros músicos, casos do pianista Marco Pombinho e do baixista Rui Pity e convidados como o músico de flamenco Diego El Gavi.

No dia seguinte, sábado, é a vez de Yamandu Costa dar nova oportunidade aos lisboetas de conhecerem o seu talento - é considerado um dos melhores violonistas da atualidade. E nada melhor do que num espetáculo intitulado Bem--Vindo. O violão de sete cordas é o instrumento a ouvir, mas a voz do fadista Ricardo Ribeiro também vai soar.

Do violão para a guitarra portuguesa: o terceiro artista é José Manuel Neto, mais conhecido do grande público ao acompanhar cantores como Carlos do Carmo, Camané ou Ana Moura. José Manuel Neto tocará em dose dupla. Dia 7 de julho estará acompanhado de Nelson Aleixo (viola) e Frederico Gato (baixo), no dia seguinte será a vez de Carlos Manuel Proença (viola) e Daniel Pinto (baixo). Depois destes Trinados no Trindade e antes da pausa de agosto, é a vez de Pedro Gonçalves e Tó Trips, os Dead Combo, estrearem novos temas no concerto intitulado Música com Lisboa lá dentro (dias 27 e 28).

A programação retoma em outubro com Salvador Sobral (dias 6 e 7).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG