História da menina que se faz árvore leva a ópera ao CCB

Chama-se A Flowering Tree e foi escrita por John Adams, o mais importante compositor lírico americano da atualidade, em parceria com Peter Sellars. Estreia hoje no CCB, com direção musical de Joana Carneiro

Por uma vez, o São Carlos vê-se "deslocalizado" para Belém: a razão primordial é tratar-se de uma ópera contemporânea: A Flowering Tree, da dupla John Adams/Peter Sellars, estreada em Viena, no Ano Mozart/2006. A produção que está no CCB estreou em Chicago em 2008 e passou por Gotemburgo no ano passado: "é a história, contada de forma muito bela, de dois jovens em processo de desenvolvimento interior e de descoberta do amor", assim define Nicola Raab, responsável pela encenação (fez La Rondine, de Puccini, no São Carlos, em 2012) esta ópera sobre um conto tradicional do sudoeste da Índia.
Um conto de fadas, em suma: "há a menina bondosa do povo, o príncipe que se enamora dela, a irmã má, há magia... Tudo muito parecido com os contos ocidentais".

Primeira coisa a interpelar a encenadora "foi o facto de toda a história partir do narrador, que a conta diante de uma assembleia sentada no chão à sua volta. E é desta assembleia, a partir das personagens que ele nomeia, que as próprias personagens brotam", segundo a sua conceção de que "um pensamento cria realidade a partir do momento em que é verbalizado: as palavras fazem mundo", resume.

Leia mais na edição impressa ou no e-paper do DN

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG