Premium Irene Lozano. A mulher por detrás da Espanha Global

A secretária de Estado diz que tem o trabalho que toda a gente quereria ter: defender o seu país pelo mundo. Jornalista e escritora, que só em 2011 fez a sua estreia na política, ajudou Pedro Sánchez a escrever o seu livro de memórias.

Há uma anedota em Espanha sobre um toureiro que se converteu em governador civil e que, questionado sobre como tinha feito essa mudança de carreira, respondeu: "Degenerando." A secretária de Estado da Espanha Global, Irene Lozano, conta essa história com um sorriso para lembrar que não foi esse o seu caso. Apesar de ter começado como jornalista e escritora e de agora estar na política, para si a diferença não é assim tão grande. O objetivo é influenciar a opinião das pessoas. E, no caso do seu atual cargo, a opinião que é preciso mudar é a de todo o mundo. "É um trabalho que toda a gente quereria: defender o seu país pelo mundo. Para qualquer cidadão é uma honra."

Combater a retórica do discurso independentista catalão no exterior foi uma das tarefas que o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, lhe encomendou quando a convidou para ocupar o novo cargo, criado em outubro de 2018 para substituir a Marca Espanha. Esse projeto de marca estava mais virado para a economia e as trocas comerciais, na promoção das empresas espanholas no estrangeiro e em atrair investimento, enquanto o desafio da Espanha Global vai mais longe.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG