A miúda que mais parece "um furacão" e que está a mobilizar os famosos

Chama-se Marta d'Orey, tem 18 anos e precisa de um transplante pulmonar

Cláudia Vieira rendeu-se à história de Marta d'Orey, uma jovem de 18 anos que "precisa de um transplante pulmonar para sobreviver", segundo conta o jornal Correio da manhã. A atriz publicou um texto no Facebook em que elogia o sorriso da jovem, cujo problema de saúde se deverá a um caso de gripe A mal curado.

"É de alguém que é feliz, ama a vida e a vive da forma certa!!! Grata por te conhecer, és realmente um furacão como te chamam. Tens uma grande lição para dar a muitos e ainda vais dar muito que falar... ", diz Cláudia Vieira sobre a jovem.

Marta d'Orey precisa de um transplante pulmonar para sobreviver, segundo conta hoje o Correio da Manhã, jornal que refere que a taxa de sucesso da intervenção é muito limitada e apenas lhe assegurará uma esperança de vida de dez anos. A jovem está agora dependente de uma bomba de oxigénio. Uma situação clínica decorrente de uma gripe A contraída em Londres há cinco meses e que foi mal curada, tendo degenerado numa bronquiolite obliterante pós-infecciosa.

Marta d'Orey estuda Marketing e Publicidade no IADE, em Lisboa, e tem uma paixão pela fotografia e pela escrita.

"Já foram várias as vezes em que me deitei naquela sala de luz fluorescente e cheiro a éter, com os lábios tingidos de azul, a pele encharcada em suor e lágrimas, a respiração ofegante por se fazer suficiente, os sentidos a escaparem-me por entre os dedos, e os médicos a rodearem-me o corpo inerte numa tentativa desesperada de o trazer de volta. E de todas essas vezes, tive medo. Tive medo, porque em todas elas vi o botão de "STOP" ao alcance de um palmo. Mas acabei por me encostar no modo "PAUSA", para depois voltar a pressionar o "PLAY". ", escreveu no Facebook acerca do seu caso.

Garante que quer "agarrar nisto e fazer maior". Diz que a doença muda o olhar que tem sobre a vida e dos outros para com ela e que isso é o que mais lhe custa. "Saber o impacto que isto tem para o mau. Isto tem um impacto que pode ser muito bom e é essa a escolho que eu faço todos os dias", diz num vídeo partilhado no Facebook, que que diz querer "ficar por aqui mais algum tempo".

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular