"Temos de perder vergonha de ir buscar a quem está a acumular dinheiro"

Deputada Mariana Mortágua (BE) defendeu o novo imposto para imóveis de luxo. E foi aplaudida pelos socialistas

Mariana Mortágua desafiou este sábado o PS a dizer o que "pensa do sistema económico, do capitalismo financeirizado", para melhor "pensar as desigualdades". Sem ter vergonha de uma política social que vai buscar aos que acumulam mais, atirou a deputada do Bloco de Esquerda, recolhendo os aplausos de um auditório socialista que se encheu para ouvir o debate sobre "as Esquerdas e a desigualdade", na Conferência Socialista 2016.

Na parte final da sua intervenção, no Convento de S. Francisco, em Coimbra, Mariana Mortágua notou que, "do ponto de vista prático, a primeira coisa que temos de fazer é perder a vergonha de ir buscar a quem está a acumular dinheiro".

E defendeu o novo imposto anunciado esta semana para imóveis de luxo. "Quando estamos a apresentar taxas sobre grandes patrimónios ou grandes rendimentos, estamos a fazê-lo porque queremos diminuir a desigualdade", apontou, "e uma sociedade estável é uma sociedade que não permite uma acumulação brutal aos 1% do topo".

A deputada do BE concluiu deixando um desafio aos socialistas: "Não podemos ter vergonha de ter uma política social deste género." E o auditório irrompeu em aplausos. "Cabe ao PS que, se quer pensar as desigualdades, dizer o que é que pensa do sistema económico, do capitalismo financeirizado", rematou.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Portugal
Pub
Pub