Coordenador da reforma hospitalar demitiu-se

António Ferreira alega motivos pessoais para abandonar o cargo para que foi nomeado há cerca de um mês.

O coordenador para a Reforma do Serviço Nacional de Saúde, na área dos Cuidados de Saúde Hospitalares, António Ferreira, disse hoje à Lusa que se demitiu do cargo, alegando "motivos de ordem estritamente pessoal".

A notícia surge no mesmo dia em que o Governo nomeou, em Conselho de Ministros, o novo conselho de administração do hospital de S. João, no Porto, liderado por António Oliveira e Silva.

António Ferreira, ex-presidente da administração desse hospital, foi nomeado coordenador nacional para a reforma hospitalar, no final de 2015, tendo o despacho, com a sua nomeação, sido publicado no passado dia 7 de janeiro.

A nomeação de António Ferreira surgiu na sequência da criação, pelo atual Governo, de três equipas responsáveis pela apresentação de propostas para a reforma do Serviço Nacional de Saúde, nas áreas dos Cuidados de Saúde Primários, dos Cuidados Continuados Integrados e dos Cuidados de Saúde Hospitalares.

O sucessor de António Ferreira será nomeado pelo ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Portugal
Pub
Pub