Trump: "Coreia do Norte está à procura de problemas"

O presidente norte-americano diz que EUA estão preparados para resolver questão com Pyongyang sem a ajuda da China

Donald Trump defendeu hoje que a "Coreia do Norte está à procura de problemas" e disse que avisou o presidente chinês de que será melhor para a China que esteja do lado dos EUA nesta questão.

O presidente norte-americano usou o Twitter para dizer que "se a China decidir ajudar, será ótimo". "Se não, vamos resolver o problema por nós próprios", anunciou, referindo-se à questão relativa à Coreia do Norte.

Trump escreveu ainda que avisou o presidente chinês Xi Jinping que a China conseguiria um melhor acordo comercial com Washington se resolverem o problema da Coreia do Norte.

A Coreia do Norte condenou hoje o envio de um porta-aviões norte-americano para a península coreana e advertiu estar preparada para responder a um "ataque preventivo".

"Se os Estado Unidos se atreverem a optar por uma ação militar, ao clamar por um 'ataque preventivo' ou por 'destruir o nosso quartel-general'", a Coreia do Norte "está pronta para reagir perante qualquer forma de guerra" por Washington, afirmou a agência estatal de notícias norte-coreana KCNA.

As palavras de Pyongyang chegam depois de, no sábado, o Pentágono ter anunciado o envio do porta-aviões de propulsão nuclear USS 'Carl Vinson' para águas próximas da Coreia do Norte, em resposta aos últimos testes do regime norte-coreano.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular