Mayor de Londres não responde ao "mal informado" Trump. Tem mais que fazer

O mayor de Londres, Sadiq Khan

Presidente dos EUA criticou Sadiq Khan no Twitter. Mayor de Londres não deu resposta por ter "coisas mais importantes para fazer"

O Presidente norte-americano, Donald Trump, criticou hoje o presidente da Câmara de Londres, Sadiq Khan, a propósito da sua reação aos ataques de sábado na cidade, que causaram sete mortos e 48 feridos.

"Pelo menos sete mortos e 48 feridos em ataque terrorista e o 'mayor' de Londres diz que 'não há razão para alarme'", escreveu Trump no Twitter.

Numa mensagem anterior, o Presidente norte-americano tinha defendido: "Devemos deixar de ser politicamente corretos e começar a agir pela segurança do nosso povo. Se não formos inteligentes, só ficará pior".

O mayor de Londres foi entretanto confrontado com os "tweets" do presidente norte-americano, mas não quis responder. Ainda assim, a não resposta foi, de algum modo, uma pequena provocação.

Sadiq Khan pediu ao porta-voz que dissesse que "o mayor está ocupado a trabalhar com a polícia, com os serviços de emergência e o governo para coordenar a resposta a este terrível e cobarde ataque terrorista e mostrar liderança e confiança a todos os londrinos e visitantes da nossa cidade. Ele tem coisas mais importantes para fazer do que responder ao 'tweet' mal informado de Donald Trump que deliberadamente tira do contexto as declarações que fez, pedindo aos londrinos para que não ficassem alarmados por verem mais polícia - incluindo agentes armados - nas ruas".

Através do Twitter, Sadiq Khan tinha agradecido aos serviços de segurança e emergência a ação pronta e eficaz, pedindo ainda aos londrinos para que se mantivessem "calmos e vigilantes" após o ataque.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub