Novo presidente da Índia, Ram Nath Kovind, é da casta dos "intocáveis"

Casta dos "intocáveis" é a mais baixa na índia. Kovind ganhou com 65% dos votos

O ex-governador Ram Nath Kovind, membro da comunidade 'dalit', o mais baixo nível do sistema de castas na Índia e normalmente designado como "intocáveis", foi eleito hoje Presidente daquele país, sucedendo no cargo a Pranab Mukherjee.

O novo Presidente indiano, o 14º desde o processo de independência da Índia do Império britânico em 1947 e o segundo da casta dos "intocáveis" depois de Kocheril Raman Narayanan ter assumido a Presidência entre 1997 e 2002, conseguiu 65% dos votos contra a sua adversária Meira Kumar, também membro da comunidade 'dalit', segundo informou o porta-voz da comissão eleitoral, Anoop Mishra.

A votação para a eleição do novo Presidente indiano decorreu na segunda-feira e envolveu os membros da Lok Sabha (câmara baixa do parlamento), da Rajya Sabha (câmara alta) e das assembleias regionais. No total, estavam convocados 4.896 representantes parlamentares.

A vitória de Ram Nath Kovind, ex-governador do estado indiano de Bihar (norte) e candidato do governo indiano, não foi surpreendente, uma vez que o primeiro-ministro Narendra Modi e os seus aliados políticos contam com uma ampla representação no parlamento nacional e nas assembleias regionais.

A candidatura de Kovind teve contornos mais inesperados, dado que o ex-governador era relativamente desconhecido do panorama político indiano.

Ram Nath Kovind começa a exercer na próxima terça-feira como Presidente, um cargo sobretudo cerimonial e sem funções executivas, de acordo com a Constituição indiana, que atribui a governação do país ao primeiro-ministro.

Nascido em 1945 no seio de uma família humilde de agricultores do estado de Uttar Pradesh (norte), Kovind conseguiu fintar um destino marcado pela sua condição de "intocável", comunidade sujeita muitas vezes a trabalhos que são recusados pelas castas superiores, e licenciou-se em Direito.

"A Constituição deu-nos dois direitos (o direto à educação e o direito de voto). Os 'dalits' sofrem em todo o país porque não conseguiram apreciar a importância dos dois", declarou Kovind, durante o seu primeiro ato público após ter sido conhecida a sua nomeação.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub