Ilha de plástico 21 vezes o tamanho de Portugal nas águas do Pacífico

Organização norte-americana detetou uma quantidade impressionante de lixo junto das zonas costeiras do Chile e do Peru

Parece mentira, mas é verdade. Uma equipa de cientistas da Algalita Marine Research Foundation, uma organização sem fins lucrativos sedeada em Long Beach nos Estados Unidos, realizou uma expedição durante meio ano nas águas do Pacífico, perto da zona costeira de Chile e Peru, onde descobriu uma quantidade de lixo, todo ele em plástico, 20 vezes superior ao território de Portugal.

Para se ter uma ideia o plástico estava estendido por uma área superior a dois milhões de quilómetros quadrados - Portugal continental tem uma área ligeiramente acima dos 92 mil quilómetros quadrados - o que levou os cientistas e alguma comunicação social a usarem o termo "ilha de plástico".

De acordo com os oceanógrafos, a maioria dos plásticos detetados não está visível o que pode provocar não só um problema ambiental mas também uma eventual contaminação junto da cadeia alimentar de espécies marinhas.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub