Sete entidades culturais portuguesas apoiadas pelo Programa Europa Criativa

Sete entidades culturais portuguesas, entre elas a Fundação Calouste Gulbenkian e a Trienal de Arquitetura de Lisboa, foram selecionadas para apoio financeiro de projetos artísticos no âmbito das Plataformas Europeias 2017 do programa Europa Criativa.

De acordo com o sítio ´online´, o Europa Criativa é um programa através do qual a União Europeia apoia os setores cultural e criativo entre 2014 e 2020, com um orçamento de 1,4 mil milhões de euros.

A Procur.Arte Associação Cultural e Social, de Lisboa, vai ser apoiada enquanto coordenadora de plataforma pelo seu projeto "PARALLEL - European Photo Based Platform".

Por outro lado, enquanto membros de uma plataforma, serão apoiadas a OFICINA - Centro de Artes e Mesteres Tradicionais de Guimarães (precisamente pelo seu envolvimento em "PARALLEL- European Photo Based Platform"), a Fundação Calouste Gulbenkian e a Trienal de Arquitectura de Lisboa (ambas na "Future Architecture Platform"), a Ideias Emergentes ("Magic Carpets"), a Associação WHY Portugal ("European Talent Exchange Programme") e ainda a Fundação Calouste Gulbenkian na plataforma "Classical Futures Europe".

As Plataformas Europeias têm por objetivo apoiar projetos que promovam a visibilidade e mobilidade dos artistas e da arte europeia.

Neste âmbito, a Entidade Coordenadora da Plataforma terá um cofinanciamento de 80% do valor total do projeto, com um limite máximo de 500.000 euro por ano.

De acordo com o sítio ´online´ da Europa Criativa, a Entidade Coordenadora da Plataforma fará a gestão física e financeira do projeto, podendo atribuir aos seus membros apoio financeiro até um limite de 60.000 euros por ano.

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

Pub
Pub