Medicamentos 11% mais baratos nos hipers do que nas farmácias

Sócios da APED já representam 588 pontos de venda de medicamentos

Os portugueses continuam a preferir as farmácias para comprar os medicamentos não sujeitos a receita médica (MNSRM), mas a média dos preços é superior à praticada nas farmácias. No top cinco dos produtos, a diferença média é de 11%.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Dinheiro
Pub
Pub