Quatro formas de saborear Portugal

viver

Quatro formas de saborear Portugal

A plataforma The Art of Tasting Portugal lança quatro experiências de verão para saborear alguns dos melhores produtos de quatro regiões de Portugal pela mão, e saber, de quatro chefs.

"Ainda há muito por descobrir em Portugal", diz, sem hesitação, Adriana Fournier, fundadora da plataforma The Art of Tasting Portugal, uma plataforma que procura dar "divulgar Portugal através das regiões, dos produtos e dos chefs". A juntar a esse mapeamento gastronómico, este verão desenharam quatro experiências para quem quer conhecer o país através da sua gastronomia e dos seus embaixadores - Cláudio Ponte, Ricardo Leite, Vítor Sobral, Luís Barradas.

O projeto ganhou vida em 2020 com experiências gastronómicas no atelier do chef Henrique Sá Pessoa, mas já estava na cabeça de Adriana Fournier e Patrícia, especialistas em comunicação de chefs e gastronomia, muito antes. "É uma maneira de valorizar os nossos produtos", diz, ao telefone com o DN.

Esse inventário, do A de abóbora da Quinta do Pisão feita panacota pelo chef André Fernandes ao V de vinho de Carcavelos feito bombom segundo os preceitos do chef Francisco Siopa, é um passaporte para experiências gastronómicas criadas à medida ou "pop ups" como os que foram criados para este verão, em quatro datas - 31 de julho, 21, 26 e 28 de agosto em São Miguel, Ilha do Pessegueiro, Terceira e Azeitão (115€ + IVA por pessoa).

A primeira, está sábado, tem Cláudio Ponte, como anfitrião. Começa numa quinta biológica a recolher legumes, passa pelas furnas, dá um passeio num barco e termina frente ao mar a saborear o almoço. "Uma experiência que se fosse a São Miguel não teria", acredita Adriana Fournier.

"O nosso objetivo é valorizar o trabalho", diz Adriana Fournier. De chefs e produtores. "Todos os chefs estão muito disponíveis para mostrar a sua gastronomia e mostrar outra perspetiva, trabalham com produtores que não se conhece, que dificilmente chegam ao consumidor final", nota. E responder a uma pergunta simples de quem viaja por Portugal. "O que posso fazer?". "O que posso fazer no Douro?", pergunta e responde Adriana Fournier apontando para as experiências vínicas em quintas da região.

Experiências

31 de julho - A descobrir São Miguel, com Cláudio Pontes

Esta experiência decorre entre as 09:00 e as 16:00, começa com uma visita à Quinta Bio Kairos, para colher os legumes a usar na confeção do almoço. Segue-se depois a visita até às caldeiras, para conhecer o processo de cozedura do pão dentro das furnas, aproveitando para recolher o pão para o almoço. Depois, o destino é o mar, num passeio de barco com partida no Porto Formoso. Com o peixe apanhado durante a madrugada e os legumes selecionados na quinta, Cláudio Pontes prepara um menu de quatro a seis pratos, que inclui entradas tradicionais e doces regionais, acompanhados de vinhos dos Açores

21 de agosto - Mergulho na Ilha do Pessegueiro, com Ricardo Leite

Começa no porto de Porto Covo, a bordo de um barco, para conhecer o programa de envelhecimento de vinho da região nesta experiência (09:30 às 16:00). Cada um dos participantes desta experiência terá a oportunidade de lançar ao mar uma garrafa, que ficará a estagiar durante três meses. Findo este período de estágio, essa garrafa personalizada chegará à casa de cada um, que poderá provar o vinho e poderá descobrir a influência do Atlântico no vinho. A refeição é servida no restaurante do chef Ricardo Leite, o Alma Nómada, situado nesta vila alentejana.

26 de agosto - Passeio dos Ilhéus, com Vítor Sobral

Na Terceira, e de regresso às ilhas açorianas, Vítor Sobral lidera esta experiência que começa a bordo de um barco e com a missão de descobrir novas espécies marinhas das águas açorianas e conhecer melhor a pesca artesanal. O almoço preparado pelo chef é servido no restaurante Terra Chã, acompanhado de vinhos locais (09:00 às 16:00).

28 de agosto - O Moscatel e o queijo de Azeitão, com Luís Barradas

É uma experiência desenhada à medida de apreciadores de queijo e vinhos licorosos e começa na Quinta do Anjo, em Azeitão. Daqui, parte-se para a queijaria Simões, onde se pode conhecer em detalhe o processo de produção do queijo, e para a adega Casa Horácio Simões. O anfitirão, Pedro Simões guia os visitantes pelas provas de moscatéis da região. A experiência (das 09:00 às 16:00) termina com o almoço de sabores do mar criado pelo chef Luís Barradas.

Como reservar

E-mail: hello@theartoftastingportugal.com
Tel.: 93 848 09 65
Site: https://theartoftastingportugal.com/


lina.santos@dn.pt

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG