Três leopardos das neves infetados com covid-19 em zoo dos EUA

Animais estão com sintomas ligeiros e terão sido infetados por um tratador que estava assintomático. É a sexta espécie confirmada a contrair doença após contacto com humanos.

Mais uma espécie de felino testou positivo para a covid-19. Desta vez foram três leopardo das neves, no Zoo de Louisville, nos Estados Unidos. É a sexta espécie animal confirmada a ser infetada após contacto com humanos.

Tratam-se de três leopardos (dois machos e uma fêmea, com os nomes NeeCee, Kimti e Meru) que habitam no zoo de Louisville. A fêmea foi a primeira a testar positivo. De acordo com as autoridades locais, todos estão com sintomas leves da doença (respiração ofegante e tosse seca) e devem recuperar totalmente.

De acordo com o Serviço de Inspeção de Saúde Vegetal e Animal, os três animais terão sido infetados por um elemento da equipa de tratadores que estava assintomático, e contraíram a doença apesar de todas as precauções tomadas pela direção do zoo.

"Os três felinos estão bem, com sintomas muito ligeiros, enquanto o jardim zoológico continua a vigiar de perto a sua saúde. Prevemos uma melhoria contínua nos próximos dias e esperamos que os três recuperem. Neste momento, nenhum outro animal apresenta sintomas", refere uma nota do zoo.

Os leopardos da neve são uma das pelo menos seis espécies animais que já foram infectadas com o coronavírus após contato próximo com humanos. O primeiro foi um tigre malaio no zoo do Bronx, nos EUA, que em abril testou positivo para coronavírus após apresentar sintomas de dificudade respiratória. Nesse mesmo mês, oito felinos do memso zoo, incluindo quatro tigres e três leões africanos, testaram positivo para o vírus.

Há também relatos de pequeno número de cães e gatos infetados com o vírus nos EUA, de acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças. Na maioria dos casos de animais, a covid-1o não é mortal, embora surtos de coronavírus em fazendas de peles nos Estados Unidos e em vertos locais na Europa tenham matado milhares de visons.e

É muito improvável que os leopardos - ou outros animais - representem um risco significativo de transmissão do vírus para os humanos, já que a covid-19 se transmite principalmente entre as pessoas.

O leopardo das neves é uma espécie de mamífero carnívoro que vive habitualmente a uma altitude de cerca de 6.000 metros acima do nível do mar em montanhas remotas da Ásia Central.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG