Costinha

O INQUÉRITO DO NILTON A COSTINHA

"Odeio quem está na praia aos gritos ao telefone"

Francisco José Rodrigues da Costa (Costinha), ex-médio-defensivo e internacional português em 53 ocasiões, Costinha passou diretamente da II Divisão (Nacional da Madeira) para o Mónaco, na Liga francesa. Após quatro anos, regressou a Portugal para jogar no FC Porto, onde viveu a melhor fase da sua carreira, conquistando uma Liga dos Campeões, uma Liga Europa e uma Taça Intercontinental, além de vários troféus nacionais. Seguiram-se passagens pelo Dínamo de Moscovo, Atlético de Madrid e Atalanta, antes de pendurar as chuteiras e abraçar o posto de diretor desportivo do Sporting. Após esta experiência como dirigente, cargo que também exerceu no Servette (Suíça), Costinha passou a desempenhar funções de treinador, tendo trabalhado, para já, no Beira-Mar e no Paços de Ferreira.