Surto com 28 infetados em estrutura da Cruz Vermelha em Elvas

Oito dos casos positivos são colaboradores da Cruz Vermelha de Elvas. Os restantes 20 são utentes que pertencem à estrutura residencial para pessoas idosas e à valência de cuidados continuados.

Um surto de covid-19 no Centro Humanitário da Cruz Vermelha de Elvas, no distrito de Portalegre, regista 28 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, entre utentes e funcionários, revelou esta segunda-feira a diretora da instituição.

"Temos oito colaboradores e 20 utentes infetados, ao dia de hoje", disse a agência Lusa Isabel Mascarenhas, que dirige o Centro Humanitário da Cruz Vermelha de Elvas.

De acordo com a responsável, a instituição conta com um universo de 85 colaboradores e 94 utentes.

"As pessoas que estão infetadas pertencem à estrutura residencial para pessoas idosas (ERPI) e à valência de cuidados continuados", indicou.

Isabel Mascarenhas explicou que o surto foi identificado na sequência dos rastreios regulares que são efetuados no centro.

Esses testes permitiram detetar alguns funcionários infetados e, no dia 12, surgiram "alguns casos positivos" entre os utentes.

"As pessoas estão isoladas, está ativado o plano de contingência e estamos a proceder em conformidade", acrescentou.

Em novembro, o Centro Humanitário da Cruz Vermelha de Elvas foi também afetado por um surto de covid-19, tendo ficado na altura 24 pessoas infetadas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG