Brad Pitt está a ser investigado por violência doméstica

O ator norte-americano encontrava-se alegadamente alcoolizado e ter-se-á irritado com um dos filhos. O episódio ocorreu na quarta-feira antes do pedido de divórcio

Brad Pitt está a ser investigado por alegada violência "verbal abusiva" e "física" para com um dos filhos. O episódio terá ocorrido na passada quarta-feira, num dos aviões privados do casal Angelina Jolie e Brad Pitt e, segundo a revista People, as restantes cinco crianças terão assistido ao episódio.

O ator norte-americano, de 51 anos, estaria alegadamente alcoolizado e ter-se-á irritado com um dos seus filhos, tendo passado para a violência física, revela fonte anónima à publicação, que confirma a notícia avançada pelo site TMZ.

Angelina Jolie, de 41 anos, estava presente no local e não se sabe qual terá sido a sua reação. No entanto, o episódio ocorreu dias antes da atriz norte-americana entregar em tribunal os papéis do pedido do divórcio. Segundo o seu advogado, a separação surgiu na sequência de "divergências irreconciliáveis" no que diz respeito à educação dos filhos, pelo que este episódio de violência poderá ter sido a "gota de água" no casamento de Brangelina.

A polícia e o departamento de serviços de família e menores de Los Angeles, nos Estados Unidos, tomaram conta da investigação, após terem recebido uma denúncia anónima a reportar os alegados atos de violência de Brad Pitt.

Recorde-se que Angelina Jolie e Brad Pitt mantinham um relacionamento há doze anos, sendo casados há dois, e são pais de seis crianças.

A confirmação do divórcio foi dada esta terça-feira e até à data Pitt foi o único membro da família a reagir na primeira pessoa. "Estou muito triste, mas o mais importante é o bem-estar dos nossos filhos", disse. Jolie pediu a custódia das seis crianças.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG