Jovem assassinado no Campo Grande era filho de ex-inspetor da PJ

Rapaz de 24 anos vinha de um restaurante de 'fast food' quando foi assaltado junto à Faculdade de Ciências por três homens que o esfaquearam no corpo supostamente porque terá oferecido resistência.

Um jovem, filho de um inspetor-chefe da Polícia Judiciária (PJ) na reforma, foi assassinado sábado à noite, em Lisboa, na sequência de um assalto com arma branca, confirmou à agência Lusa fonte ligada à investigação.

A notícia do homicídio, crime ocorrido junto à Faculdade de Ciências em Lisboa, no Campo Grande, foi avançada pelo Correio da Manhã (CM) que refere que o jovem, de 24 anos vinha de um restaurante de 'fast food' no Campo Grande quando foi assaltado por três homens, que o esfaquearam no corpo supostamente porque terá oferecido resistência.

O jovem foi socorrido pela emergência médica, mas devido aos ferimentos graves acabou por morrer no local, adianta o CM.

O crime, a cuja ocorrência foi chamada a PSP, está a ser investigado pela Polícia Judiciária (PJ).

Comando Geral da PSP e COMETLIS (Comando Metropolitano de Lisboa da PSP), contactados pela Lusa, recusaram-se a prestar quaisquer informações sobre o sucedido.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG