Detido segundo suspeito da morte do rapper Mota JR

Foi detido no passado dia 28 de maio, no Reino Unido. Está em prisão preventiva.

Foi detido um segundo suspeito do rapto e homicídio de David Mota, o rapper português conhecido como Mota Jr.,, assassinado no passado mês de março.

"A Polícia Judiciária confirma que, no dia de hoje, foi presente a primeiro interrogatório judicial de arguido detido, um segundo suspeito da prática dos crimes de rapto e de homicídio, de que foi vítima o conhecido Rapper Mota Jr.", lê-se no comunicado enviado às redações.

A detenção teve lugar no Reino Unido, no dia 28 de maio e "ocorreu em cumprimento de Mandado de Detenção Europeu, emitido no âmbito de inquérito titulado pelo DIAP de Sintra e cuja investigação se encontra a cargo da Unidade Nacional Contra Terrorismo, da Polícia Judiciária", diz ainda a nota.

O segundo suspeito da morte de David Mota ficou em prisão preventiva.

Está ainda detido outro suspeito da morte do rapper, "presumível coautor, na sequência de detenção concretizada, aquando da chegada a território nacional, em voo proveniente do Reino Unido, no passado mês de maio", informa a PJ.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG