Pelo menos três mortos devido a chuvas fortes no Rio de Janeiro

Autoridades ativaram estado de emergência e recomendam à população que evite deslocações.

Pelo menos três pessoas morreram na noite de segunda-feira devido às fortes chuvas que afetaram a cidade brasileira do Rio de Janeiro, noticiou a imprensa local esta terça-feira. De acordo com o portal de notícias G1, um homem morreu na zona da Gávea e duas irmãs perderam a vida na região do Leme.

Segundo a mesma fonte, as autoridades do Rio de Janeiro ativaram o estado de emergência, o mais grave de uma escala de três, na segunda-feira à noite.

As autoridades recomendam à população que evite deslocar-se e as escolas e algumas empresas privadas estarão encerradas.

Na segunda-feira, a Defesa Civil lançou avisos para 19 comunidades.

Além de estradas inundadas, há registo de carros submersos na zona do Jardim Botânico e de queda de árvores em Copacabana, na zona sul do Estado do Rio de Janeiro e houve desmoronamento de terras em pelo menos duas avenidas da cidade carioca.

Com os dispositivos sonoros acionados, a Defesa Civil recomendou à população que adote medidas de prevenção, como desligar a eletricidade e o gás das habitações, e permanecer ou procurar um local seguro para abrigar a família e os animais.

Exclusivos