A fúria do pai natal quando o alarme contra incêndio disparou

Homem começou a insultar as cinquenta crianças presentes e a arrancar o fato

O pai natal de um evento em St Ives, Cambridgeshire, surpreendeu as crianças ao gritar enquanto se descaracterizava quando o alarme contra incêndio disparou, este domingo, segundo o jornal The Guardian.

Era uma cidade de milho organizada por um grupo local, Festival Event St Ives. E foi publicitada como uma oportunidade para conhecer o pai natal. Mas quando no local uma máquina de fumo começou a arder e o alarme disparou, as família foram encaminhadas para fora do recinto e o velhote de vermelho com barbas brancas começou a praguejar. Terá começado a despir as roupas, a arrancar as barbas e a insultar as cerca das 50 crianças presentes.

"Eu acho que o pai natal estava furioso porque foi marcada uma rave para crianças no mesmo dia em que as crianças iam ver o pai natal no andar de cima", disse o dj Stuart Wilkin. "Ele provavelmente estava ali sentado a tentar falar com as crianças enquanto a música estava a tocar e ficou chateado".

Uma mãe presente no evento contou que o pai natal "usou a pior linguagem, arrancando o chapéu e a barba e tinha fumo a sair das suas orelhas". Disse ainda que teve de explicar à filha, ali presente, que aquele não era "o pai natal verdadeiro. Era um impostor e vai para a lista dos mal-comportados".

A organização do evento já pediu desculpa "por qualquer ofensa ou angústia" causadas pelo pai natal contratado.

Ler mais

Exclusivos