Dois polícias de Chicago atingidos a tiro em ataque "premeditado"

Vítimas foram alvejadas na noite de terça-feira

Os dois polícias de Chicago atingidos a tiro na noite de terça-feira na altura em que os ocupantes de dois veículos obrigaram o carro em que seguiam a sair da estrada podem ter sido alvo de um ataque planeado.

"Nós acreditamos que os agentes foram de certeza vítimas de um ataque premeditado", disse à Associated Press, o porta-voz da polícia de Chicago.

Um dos agentes foi atingido num braço e o outro nas costas, disse ainda o porta-voz da polícia de Chicago, Anthony Gugliemi.

Entretanto, o chefe da polícia, Eddie Johnson, que visitou os feridos no hospital, afirmou que os agentes estão conscientes e devem recuperar dos ferimentos de bala.

O ataque ocorreu em Back of Yards, uma zona caracterizada pelo crime na zona sul da cidade de Chicago.

Os dois agentes alvejados estavam a investigar um "incidente" quando foram atacados.

Segundo o porta-voz da polícia de Chicago, as vítimas encontravam-se vestidas à civil mas vestiam coletes e exibiam os distintivos que os identificava como agentes.

Neste momento, as autoridades procedem a investigações para localizarem os agressores, sendo que três pessoas provavelmente relacionadas com o caso já foram interrogadas.

O porta-voz da polícia que indicou que as armas utilizadas eram de "grande potência" acrescentou que um dos veículos que terá sido utilizado no ataque foi apreendido pelas autoridades.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG