Premium Das espécies em risco às empresas mais poluentes. Sete verdades inconvenientes à boleia da COP25

Ao longo das duas semanas que leva a Conferência do Clima, em Madrid, foram divulgados vários estudos e previsões que traçam um retrato sombrio do futuro. "É preciso fazer muito mais" é o traço comum que une os vários relatórios.

O que é que pode relacionar uma mulher na Somália com uma aldeia no Sudeste Asiático, um bivalve do Mediterrâneo com os recifes de coral na Austrália? Duas palavras: alterações climáticas. De uma forma ou de outra, todos os seres vivos, nos quatro cantos do globo, sentem os efeitos das mudanças climáticas. Ao longo das últimas duas semanas, em paralelo com a Conferência do Clima em Madrid, foram vários os estudos de diferentes origens que vieram mostrar isso mesmo.

Ano a ano a bater recordes de aquecimento global

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG