Portugal foi o país da zona euro que mais compras fez por cartão em 2018

"A maior percentagem de pagamentos por cartão é apresentada por Portugal, com cerca de 71%", indica o relatório do BCE.

Portugal foi o país da zona euro que mais compras fez por cartão em 2018 em termos percentuais, com 70,5% dos pagamentos feitos por essa via, segundo dados hoje divulgados pelo Banco Central Europeu (BCE).

"A maior percentagem de pagamentos por cartão é apresentada por Portugal, com cerca de 71%", indica o relatório de Estatísticas de Pagamentos de 2018 feito pelo BCE, hoje divulgado.

No anexo que acompanha o relatório, é possível verificar que a percentagem exata de pagamentos feitos por cartão é de 70,5%, um aumento de 2,2 pontos percentuais face a 2017.

Relativamente a outros tipos de transações, os pagamentos a crédito totalizaram 11,9% do total em 2018, uma descida de 0,3 pontos percentuais face a 2017.

Já os débitos diretos chegaram aos 9,7% do total de pagamentos em 2018, menos 1,4 pontos percentuais do quem em 2017.

Em termos de pagamentos por dinheiro eletrónico, atingiram o total de 2,9% em 2018, um aumento de 0,2 pontos percentuais face a 2017.

Os pagamentos por cheque representaram 1,9% do total em 2018, menos 0,4 pontos percentuais do que em 2017.

Na zona euro, os pagamentos sem ser em numerário aumentaram 7,9% para 90,7 mil milhões em 2018 relativamente a 2017.

Destes, 46% foram pagamentos feitos em cartão, com 23% do total por transferências e também 23% por débitos diretos.

Em 2018 foram emitidos um total de 554 milhões de cartões bancários, o que representa um rácio de 1,6 cartões por habitante da zona euro (341 milhões de habitantes).

Em média, as pessoas da zona euro gastaram 44 euros por transação através de cartão, já que o número de operações aumentou 13% para 41,4 mil milhões, que totalizaram 1,8 biliões de euros.

O relatório do BCE indica também que o total de máquinas de multibanco na zona euro desceu 0,3% para 300 mil, o que representa perto de uma máquina por 1.126 pessoas.

Neste indicador Portugal também está à frente, estando juntamente com a Áustria na liderança de países que mais máquinas automáticas têm em relação à população.

Exclusivos