Número de desempregados de abril aumenta para 40.505

Subida é de 12,6% face ao final do mês de março. Despedimentos coletivos prosseguem e atingem neste mês 715 trabalhadores.

O número de desempregados continua a aumentar ao ritmo diário de mais de 3500 postos de trabalho perdidos, com os novos desempregados deste mês a somarem até esta sexta-feira 40.505, de acordo com nova atualização pelo Gabinete de Estudos e Planeamento do Ministério do Trabalho. A subida, frente ao desemprego registado em março está agora em 12,6%.

De acordo com o novo balanço, esta sexta-feira havia um total de 361.669 inscritos nos centros de emprego, contra 321.164 no final de março. Dos novos desemprego, só 78% requereram subsídio de desemprego, indicador de que pelo menos um quinto não reunirá condições de acesso.

É, ainda assim, uma melhoria dos dados de até terça-feira, nos quais 30% dos novos desempregados de abril não estavam a aceder á rede de proteção social para quem perde o trabalho. Nesse período, cujos dados foram divulgados ontem, a Segurança Social tinha dados 10.224 aprovações a subsídio de desemprego. Já hoje, esse indicador deixa de surgir nas informações publicadas.

Relativamente a processos de despedimento coletivo, estes prosseguiram nos últimos dias. Atingem desde o início do mês e até ontem 715 trabalhadores de 86 empresas.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG