Inglaterra, Rep. Checa, França e Turquia garantem apuramento

Já são dez as seleções com lugar garantido na fase final do Campeonato da Europa de 2020.

Inglaterra, República Checa, França e Turquia garantiram esta quinta-feira a presença na fase final do Euro 2020, que se vai realizar em várias cidades europeias.

Estas quatro seleções fizeram aumentar para dez o número de equipas já com o apuramento garantido, juntando-se a Bélgica, Itália, Rússia, Polónia, Ucrânia e Espanha.

No grupo A, a Inglaterra goleou, em Wembley, a seleção de Montenegro por 7-0, destacando-se o hat trick de Harry Kane, a que se juntaram os golos de Oxlade-Chamberlain, Marcus Rashford, Tammy Abraham e ainda um autogolo de Sofranac.

Mais problemas sentiu a República Checa, que esteve a perder, em casa, diante do Kosovo, quando Atdhe Nuhiu adiantou os visitantes no marcador. Um resultado que adiava tudo para a última jornada. Só que os checos acabaram dar a volta com dois golos de Alex Kral (71 e 79 minutos), que lhes permitiu fazer a festa do apuramento.

No grupo H, a Turquia precisava de um empate em Istambul com a Islândia e foi isso mesmo que aconteceu, com o apito final a chegar com o 0-0 no marcador, num jogo que se realizou duas horas antes do França-Moldávia.

A festa turca foi feita ao mesmo tempo que a francesa, pois este resultado era suficiente para os campeões do mundo se apurarem mesmo antes de entrarem em campo, em Paris, frente à Moldávia.

No Stade de France, os moldavos até começaram por surpreender quando aos nove minutos se adiantaram no marcador por Vadim Rata. Ainda antes do intervalo, os franceses ainda conseguiram o empate por Varane, acabando por chegar à vantagem por 2-1 através de um penálti de Olivier Giroud aos 79 minutos.

Assim sendo, o único grupo que não ficou com tudo resolvido foi o B, onde a goleada de Portugal sobre a Lituânia, por 6-0, não chegou para que a equipa das quinas festejasse já a qualificação. Isto porque, em Belgrado, a Sérvia cumpriu a sua obrigação e venceu o Luxemburgo, por um sofrido 3-2.

Aleksandar Mitrovic bisou na primeira parte e encaminhou o triunfo dos sérvios, que na segunda parte viram o adversário reduzir por Gerson Rodrigues. Radonjic voltou a colocar uma vantagem de dois golos no marcador, mas aos 75 minutos David Turpel marcou o segundo para os luxemburgueses, que mantiveram a incerteza até final.

Exclusivos

Premium

Liderança

Jill Ader: "As mulheres são mais propensas a minimizarem-se"

Jill Ader é a nova chairwoman da Egon Zehnder, a primeira mulher no cargo e a única numa grande empresa de busca de talentos e recursos. Tem, por isso, um ponto de vista extraordinário sobre o mundo - líderes, negócios, política e mulheres. Esteve em Portugal para um evento da companhia. E mostrou-o.