Tottenham no fundo. Derrota com o Brighton e grave lesão de Lloris (com vídeo)

Depois do 7-2 com o Bayern, o Tottenham voltou a cair, agora na liga inglesa. O guarda-redes francês lesionou-se com gravidade e o lugar de Mauricio Pochettino está cada vez mais por um fio.

O internacional francês Hugo Lloris, guarda-redes do Tottenham, lesionou-se neste sábado com gravidade no cotovelo esquerdo, na derrota por 3-0 em casa do Brighton, na abertura da oitava jornada da liga inglesa de futebol, deixando o relvado em maca e como uma máscara de oxigénio.

Lloris foi substituído pelo argentino Paulo Gazzaniga à passagem do minuto oito, depois de, aos três minutos, ter sofrido uma queda aparatosa, já no interior da baliza, quando foi surpreendido por um cruzamento que originou o primeiro golo da formação local, marcado pelo compatriota Neal Maupay.

O irlandês Aaron Connolly ampliou a vantagem para o Brighton, aos 32, e fechou a contagem já no segundo tempo, aos 65', colocando ponto final numa série de cinco encontros sem vencer e que valeu ao Brighton a subida provisória ao 12.º lugar.

O Tottenham, que a meio da semana foi goleado em casa por 7-2 pelos alemães do Bayern Munique, em jogo da segunda jornada do Grupo B da Liga dos Campeões, mantém-se em sexto, com 11 pontos, mas podem ser ultrapassados por várias equipas. E o lugar do treinador Mauricio Pochettino parece cada vez mais em risco, numa altura em que na imprensa inglesa já se fala no nome de... José Mourinho.

Um golo de penálti de James Milner aos 90+5 minutos deu neste sábado a vitória ao Liverpool na receção ao Leicester, por 2-1, na oitava jornada da Liga inglesa de futebol, e manteve a campanha 100% vitoriosa dos 'reds'. O senegalês Mané, aos 40 minutos, 'empurrou' os 'reds' para a oitava vitória em outros tantos jogos, ameaçada por um tento de Maddison, aos 80, para a equipa de Ricardo Pereira, que foi totalista na visita a Anfield, antes de Milner aproveitar uma falta de Albrighton para consumar o triunfo.

Num jogo fechado, em que as equipas lutaram por oportunidades, a formação de Jurgen Klopp, vice-campeã em título e campeã europeia, acabou por resgatar os três pontos ao cair do pano, liderando agora com 24 pontos, com os 'foxes' em terceiro lugar, de forma provisória, com 14.

O Everton, treinado pelo português Marco Silva, sofreu a terceira derrota seguida na 'Premier League', em casa do Burnley, que venceu com um tento solitário de Hendrick, seguindo em 17.º lugar, com seis pontos.

Com André Gomes em casa a partir dos 84, a expulsão de Seamus Coleman, aos 56, acabou por condicionar os 'toffees', enquanto a equipa de Sean Dyche subiu ao quarto lugar provisório, com 12 pontos.

O Aston Villa foi a casa do Norwich golear por 5-1, com golos de Wesley, por duas vezes, Grealish, Hourihane e Douglas Luiz, com Drmic a marcar o 'tento de honra' do Norwich, subindo a 14.º.

Antes, o Tottenham marcou passo na luta pela liderança e voltou a perder, numa semana em que foi goleado pelo Bayern Munique, por 7-2, na Liga dos Campeões, num jogo em que o guarda-redes Hugo Lloris se lesionou com gravidade.

Lloris foi substituído pelo argentino Paulo Gazzaniga à passagem do minuto oito, depois de, aos três, ter sofrido uma queda aparatosa, já no interior da baliza, quando foi surpreendido por um cruzamento que originou o primeiro golo da formação local, marcado pelo compatriota Neal Maupay.

O irlandês Aaron Connolly ampliou a vantagem para o Brighton, aos 32, e fechou a contagem já no segundo tempo, aos 65, colocando ponto final numa série de cinco encontros sem vencer do Brighton.

Watford e Sheffield United empataram sem golos, num dia em que West Ham e Crystal Palace se defrontam pelas 17:30, num dérbi londrino.

No domingo, o campeão Manchester City recebe o Wolverhampton, treinado por Nuno Espírito Santo, enquanto o Arsenal, adversário do Vitória de Guimarães na Liga Europa, joga em casa com o Bournemouth, o Chelsea visita o Southampton e o Manchester United visita o Newcastle.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG