Sporting: Emissão de obrigações atinge os 26,2 milhões

O clube leonino visava encaixar o máximo de 30 milhões de euros nesta emissão de dívida.

A emissão de obrigações para o retalho da Sporting SAD atingiu os 26,2 milhões de euros, através de 4.112 ordens de subscrição.

"(...) até ao final do dia de hoje, 22 de Novembro de 2018 [último dia da Oferta], foram recolhidas intenções de subscrição consubstanciadas em 4.112 ordens, que correspondem a um montante total de 26.162.035 euros", refere a SAD leonina num comunicado divulgado no site da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

Os resultados finais da oferta serão apurados e divulgados amanhã, dia 23 de novembro, em sessão especial da Euronext Lisbon.

O Sporting, que paga um juro bruto anual de 5,25%, fez apelos aos sócios, esta semana, para que subscrevessem esta emissão de dívida. O clube acusou a banca de não ajudar a comercializar as obrigações.

O Sporting visava encaixar o máximo de 30 milhões de euros nesta emissão de dívida para financiar o reembolso de uma outra emissão que vence no dia 26 de novembro, nesse mesmo montante.

O reembolso do empréstimo que agora vence deveria ter ocorrido em maio deste ano mas foi adiado por falta de financiamento, numa altura em que o clube vivia uma crise interna que acabou por levar ao afastamento do ex-presidente, Bruno de Carvalho.

Elisabete Tavares é jornalista do Dinheiro Vivo

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG