Santos e o 'roubo' de Félix aos sub-20: "Não há drama. Logo se vê se vai jogar ou não..."

Portugal, campeão europeu em título, defronta a Suíça nas meias-finais da Liga das Nações, em 5 de junho, no Porto, enquanto Inglaterra e Holanda disputam no dia seguinte a outra vaga para o jogo decisivo, em Guimarães.

Para Fernando Santos, a fase final da Liga das Nações de futebol vai ser uma prova de "mata-mata imediato" e, por isso, optou por chamar jogadores com "mais ritmo de jogo". "Nas escolhas, houve uma incidência para quem está com mais ritmo de jogo, por serem apenas dois jogos. Numa grande competição, há tempo para dar ritmo, para recuperar, para preparar. Não é o caso desta prova", justificou o selecionador depois de revelar uma lista com Ronaldo e João Félix e sem o lesionado André Silva.

Esta é a primeira fase final da Liga das Nações. "É uma prova diferente. Não tem uma primeira fase por pontos que dê a qualificação para a fase seguinte. É uma prova de mata-mata imediato. Se queremos estar na final e ganhar a competição, temos de vencer as meias-finais. Não há outra forma", referiu o treinador, de 64 anos, que em 2016 levou Portugal ao título europeu.

Fernando Santos confirmou que André Silva não foi convocado devido a problemas físicos e abordou a chamada de João Félix, que vai falhar o Mundial de sub-20 para estar com a seleção principal. "Foi uma decisão concertada com o selecionador de sub-20. Não é caso virgem. O jogador passou a ser um ativo da equipa principal. Não há drama. Logo se vê se vai jogar ou não", explicou o antigo técnico de FC Porto, Benfica e Sporting.

O selecionador nacional explicou que a primeira semana de treinos, que terá início na segunda-feira, será feita em regime aberto, com os jogadores a serem apenas obrigados a marcar presença nos treinos:"Os jogadores não irão chegar todos ao mesmo tempo. Será feito de uma forma faseada. O grande objetivo será recuperar mentalmente os jogadores, dar frescura mental. Só no outro domingo é que entraremos em estágio."

De acordo com Fernando Santos, os jogadores de Sporting e FC Porto, que vão disputar no sábado a final da Taça de Portugal, só deverão apresentar-se nos treinos em 28 de maio e Cristiano Ronaldo só deverá integrar os trabalhos no dia seguinte, já que a Juventus termina o campeonato no domingo.

Fernando Santos foi ainda questionado sobre as diferenças ocorridas no futebol português, 15 anos depois de ter organizado uma grande competição internacional, o Euro2004. "O futebol em Portugal não melhorou em termos de qualidade. Isso sempre houve. Melhorou sim em termos de condições de trabalho. As condições são outras, não só a nível de seleção, mas também de clubes. Hoje, todas as equipas têm as suas academias", considerou.

Portugal, campeão europeu em título, defronta a Suíça nas meias-finais da Liga das Nações, em 5 de junho, no Porto, enquanto Inglaterra e Holanda disputam no dia seguinte a outra vaga para o jogo decisivo, em Guimarães.

A final está agendada para 9 de junho, no Estádio do Dragão. Antes, realiza-se o encontro de atribuição do terceiro e quarto lugares, no Estádio D. Afonso Henriques.

Ler mais

Exclusivos

Premium

adoção

Técnicos e juízes receiam ataques pelas suas decisões

É procurador no Tribunal de Cascais há 25 anos. Escolheu sempre a área de família e menores. Hoje ainda se choca com o facto de ser uma das áreas da sociedade em que não se investe muito, quer em meios quer em estratégia. Por isso, defende que ainda há situações em que o Estado deveria intervir, outras que deveriam mudar. Tudo pelo superior interesse da criança.