Hamilton sente falta das corrida. Desde os oito anos que não parava

Piloto britânico, que foi 6 vezes campeão do mundo de Fórmula 1, sente falta da adrenalina das corridas mas, espera que tudo regresse à normalidade e que a sociedade mude os seus hábitos.

Lewis Hamilton, piloto britânico que foi seis vezes campeão do mundo de Fórmula 1, lembrou esta terça-feira que desde os oito anos que está habituado à competição e que a pandemia da covid-19, que suspendeu o campeonato, deixou um "grande vazio".

"Sinto falta das corridas todos os dias. É a primeira vez desde os oito anos que não começo uma temporada. Quando uma das coisas que mais gostamos de fazer, de repente deixa de existir, isso deixa um grande vazio. Mas, há sempre coisas positivas para aprender destes momentos", escreveu Hamilton na sua página oficial na rede social Instagram.

Os primeiros 10 Grandes Prémios da temporada de 2020 foram cancelados (Austrália, Mónaco, França) ou adiados (Bahrein, Vietname, China, Holanda, Espanha, Azerbaijão e Canadá) devido ao surto do covid-19, que paralisou praticamente o mundo inteiro, e está agendada que a época arranque finalmente em 5 de julho, na Áustria, numa prova sem a presença do público.

"Neste momento, é tempo de refletir sobre as nossas vidas, os nossos objetivos, as nossas decisões. Que regressemos à normalidade com um maior conhecimento do mundo e que isso sirva para alterar os nossos hábitos e escolhas. Que sejamos todos mais generosos", concluiu o piloto britânico de 35 anos.

Lewis Hamilton, da Mercedes, sagrou-se campeão em 2008, 2014, 2015, 2017, 2018 e 2019.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG