Futebolista italiano de 19 anos morre devido a um aneurisma

Andrea Rinaldi tinha sido internado na sexta-feira depois de se ter sentido mal depois de um treino realizado em casa.

O jovem futebolista italiano Andrea Rinaldi, de 19 anos, que estava emprestado pela Atalanta ao AC Legnano, da quarta divisão, morreu esta segunda-feira, após ter sofrido um aneurisma, anunciou o clube de Bérgamo.

Rinaldi, que esteve 13 anos no clube da Série A italiana, sentiu-se mal na sexta-feira, após um treino efetuado em casa, perto de Como, tendo sido hospitalizado em Varese, onde acabou por morrer.

Em comunicado, o AC Legnano expressou pesar pela perda do seu atleta. "O AC Legnano, a cidade e o mundo do futebol vive hoje um dos dias mais difíceis. Andrea Rinaldi, o nosso guerreiro, deixou-nos. É uma tragédia repentina e chocante, impossível de imaginar", pode ler-se na nota difundida pelo clube no seu site oficial.

Giovanni Cusatis, treinador do Legnano, recordou o seu atleta como alguém que "todos amavam". "Falei com ele há uns dias. Eu ligo para todos os meus rapazes uma vez por semana e ele estava bem. Disse-me que o tinha apanhado por pouco porque ia começar o treino no jardim. Ele estava bem, feliz... não tinha nenhum problema", disse o técnico.

A Atalanta difundiu uma mensagem nas redes sociais, na qual o presidente Antonio Percassi disse estar "profundamente triste pelo desaparecimento de Andrea".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG