Adversário de Portugal na Liga das Nações da UEFA muda de selecionador

Adam Nawalka vai deixar o cargo de selecionador da Polónia após no fim do contrato, anunciou esta terça-feira o presidente da federação polaca, dias depois de a seleção ser eliminada na fase de grupos do Mundial 2018.

Zbigniew Boniek informou que Nawalka não vai continuar no cargo após o fim do seu contrato, que termina em 30 de julho.

O anúncio foi feito poucos dias depois de a Polónia ter acabado na última posição do Grupo H do campeonato do mundo, já que perdeu os dois primeiros jogos, frente ao Senegal e Colômbia (2-1 e 3-0, respetivamente) e venceu o último, frente ao Japão (1-0).

O treinador polaco, de 60 anos, disse que se sente responsável por a equipa não ter alcançado os objetivos no Mundial2018, afirmando mesmo que não fez um bom trabalho na escolha dos jogadores.

Nawalka orientava a Polónia desde 2014, ano em que falhou a presença no Mundial, tendo levado a seleção aos quartos de final do Euro 2016, quando perdeu frente a Portugal, que viria a sagrar-se campeão (5-3 nas grandes penalidades, após igualdade 1-1 no prolongamento).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG