A luta de Dybala continua. Quarto teste positivo em seis semanas

O avançado da Juventus, que testou positivo pela quarta vez em um mês e meio, continua assintomático e a cumprir o isolamento social, em Turim.

Paulo Dybala, avançado da Juventus, voltou a testar positivo ao coronavírus. É a quarta vez nas últimas seis semanas. A informação foi avançada, na noite de terça-feira, por Josep Pedrerol, do programa de televisão castelhano El Chiringuito de Jugones, que garante que o jogador argentino foi submetido a um novo teste e continua infetado pela covid-19.

Dybala, que anunciou através de um vídeo nas redes sociais que realizou pela primeira vez o teste no dia 21 de março, está assintomático e continua em isolamento social, em Turim. Tal como a namorada Oriana Sabatini, que, segundo informações da imprensa argentina, terá dado negativo no último teste que realizou.

Sendo o quarto teste positivo, em um mês e meio, Dybala pode ser sujeito a um tratamento mais agressivo para irradiar o vírus e assim poder voltar aos treinos. Quanto aos outros jogadores da Juventus que acusaram positivo para ao covid-19, Daniele Rugani e Blaise Matuidi, estão "curados", segundo o clube.

À semelhança da maioria das ligas europeias, o campeonato de futebol italiano está suspenso por tempo indeterminado. Ainda não há ainda datas para um eventual regresso, nem se sabe se as jornadas que faltam jogar serão mesmo disputadas e o presidente da federação italiana já admite dar por terminada a época. No entanto, o governo italiano, através do primeiro-ministro Giuseppe Conte, já autorizou os jogadores a retomarem os treinos em 4 de maio para atividades individuais.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG