Morreu o historiador Luís Augusto Costa Dias

Luís Augusto Costa Dias foi investigador integrado do Instituto de História Contemporânea, da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, da Universidade Nova de Lisboa e publicou inúmeros trabalhos sobre a génese da cultura de massas em Portugal, entre os séculos XIX e XX.

Morreu este domingo o historiador Luís Augusto Costa Dias, informou a editora Contraponto Editores num comunicado enviado às redações.

Doutorado em história, na especialidade de História da Cultura pela Universidade de Coimbra, foi investigador integrado do Instituto de História Contemporânea, da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, da Universidade Nova de Lisboa e publicou inúmeros trabalhos nos últimos anos sobre a génese da cultura de massas em Portugal, entre os séculos XIX e XX.

Foi ainda autor dos livros História do Sporting Clube de Portugal e de Um Rapaz Magro, Esguio, de Uma Calma Britânica - Biografia de José de Alvalade, obras que contaram com a colaboração de Paulo J. S. Barata e também de Vasco Borges de Campos, no caso do livro dedicado a José Alvalade.

O Sporting também manifestou pesar pela morte do historiador, através de uma nota no seu site oficial.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG