Maratona no Youtube. Vamos passar o fim-de-semana com os BTS

Sábado e domingo, o grupo sul-coreano apresenta uma maratona de vídeos no YouTube. Apesar da quarentena, vamos celebrar o 25 de abril e até podemos "visitar" o Museu Guggenheim de Bilbau.

Vamos passar o fim-de-semana com os BTS

Este fim-de-semana, os fãs dos BTS têm muitos motivos para estar felizes. A boy band sul-coreana anunciou na sua conta no Twitter que vai transmitir alguns dos seus concertos gratuitamente, em livestream no YouTube. Intitulada "Bang Bang Con", a maratona de concertos começa às 3 da manhã de sábado (hora de Portugal), com atuações de 2014 a 2016, e continua ao longo de domingo. No total serão oito concertos, incluindo o BTS 4th Muster (Happy Ever After) e a BTS World Tour Love Yourself. Os BTS deveriam ter começado este mês uma série de concertos em Seul e nos EUA mas tiveram que adiar todos os espetáculos. Esta é uma forma de compensar os muitos fãs.

Celebrar abril em quarentena

A Egeac, empresa municipal que gere a cultura em Lisboa, está a celebrar o 25 de abril com uma série de iniciativas nas redes sociais Facebook e Instagram. Entre as fotografias que Bruno Portela fez para assinalar os 20 anos da Expo'98, integradas na exposição Você Não Está Aqui (2018), uma playlist com músicas de intervenção, portuguesas e estrangeiras, e a recordação do espetáculo video mapping evocativo dos 45 anos do 25 de abril, realizado por OCUBO (para ver entre os dias 23 e 26 de abril, em vários horários), há muito por onde escolher. Já este domingo, às 16.00, podemos ouvir duas das vozes que passaram pelo Fado no Castelo, nas últimas edições, numa compilação das atuações de Carlos do Carmo e Camané (repete dia 26 às 21.00). Nas tardes de quarta feira (dias 22 e 29), a partir das 16.00 é a vez dos clássicos de Vivaldi e Bach com o concerto da Orquestra Orbis que encheu a Igreja de São Roque em 2018.

Uma visita ao Guggenheim de Bilbau

O Museu Guggenheim em Bilbau, Espanha, é um dos locais que vale a pena visitar não só por causa das exposições que ali se realizam mas também por causa do magnífico edifício concebido pelo arquiteto Frank Ghery. Impedidos de ir a Bilbau, por agora, resta-nos visitar o site do Guggenheim onde é possível não só ficar a saber mais sobre o espaço (com vídeos que o mostram por fora e por dentro, inclusive com uma entrevista a Gehry) mas também ficar a conhecer parte da equipa e algum do trabalho de bastidores que é necessário para produzir todos os eventos que ali acontecem. Dando particular atenção à exposição de Olafur Eliasson, que estava patente quando o museu foi forçado a fechar as portas por causa da covid-19. E já agora aproveitem para fazer também um passeio pela página de Facebook do Guggenheim.

Veja aqui mais sugestões culturais para a quarentena.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG